sexta-feira, 6 de julho de 2018

Araguaya - Marechal Floriano / ES (Tribuna na Estrada)









Terra Capixaba uma explosão de cultura e de belezas contagiantes. Venha conhecer essa maravilha e se encantar com lugares bucólicos e inesquecíveis. e

sexta-feira, 29 de junho de 2018

Apresentação do Canal





Eu confio nessa moça, tenho certeza que seu futuro será brilhante!

Meu Pequeno Cachoeiro



Todos têm um pequeno Cachoeiro dentro de si. Não é verdade? Qual foi a sua idade áurea?  Seus primeiros madrigais? 
Em que tempo perdido no curto espaço de sua vida, você viveu o melhor?! Muitos otimistas vão dizer, com razão, que o tempo melhor da vida é o tempo presente. Não lhe tiro a razão. Porém para os já são um pouquinho mais maduros, assim como eu kkk; o saudosismo é uma companheiro constante. Talvez isso só aconteça com almas poéticas, né? Não, acontece com todos com certeza, porém os poetas  falam com música sobre seu saudosismo, com ritmo, com maestria. Sabe, coisas de poeta. Então vamos nós...

Ter um pouco de Cachoeiro dentro de si é:
Deixar escorrer dos olhos a saudade do passado que não voltará, porém sempre estará eternizado, arraigado em nós;
É voltar no tempo e ri sozinho, fazer caras e caretas e divagar na imensidão de imagens retrogradas e bisbilhoteiras;
É rever alguém especial e dar-lhe um abraço do tamanho do infinito, abraço que traduza com o tamanho do aperto, a dor latente da saudade e do tempo refugado dentro do peito;
É divagar por horas na estação de décadas passada que trazem de volta um sorriso matreiro de algumas peripécias e traquinagem feitas por nós;
Ter um pouco de Cacheiro dentro de sí é cantar: Minha pequena "Burarama" vivo só pensando em ti... e trazer de volta a memória de um tempo tão feliz que extravasa dos poros para encharcar a alma;
É deixar uma canção antiga te levar ao mundo irreal e tão gostoso dos sonhos e com ela reviver momentos mágicos e tão doces quanto o mel;
É poder confessar segredos sem medo de se afogar nas entrelinhas da solidão, e assim ser compreendida com a candura da imperfeição do ser humano;
É ter o direito de se sentir criança outra vez e carregar na bagagem a saudade do primeiro amor, único item necessário para ser feliz;
É saber que saudades nos ajudam a viver e são tão somente coadjuvantes de quem precisa de certezas para sobreviver nesse mundo insólito e imperfeito;
É carregar as marcas da dor e ainda assim tentar outra vez, refazer-se e atenuar a amargura que carrega por trás das doces cerras e vales da vida;
Então, ter um pouco de Cacheiro dentro de si é ter tido um doce e esplêndido passado sem deixar que ele te leve a loucura. E sentir  saudades sem correr risco de se afogar.  Seguir sempre rumo ao infinito do presente até que ele se faça ausente.


Parabéns minha pequena, já grande Cachoeiro!




quinta-feira, 28 de junho de 2018

Feliz 2019 2020 2021 2022 2030 2040 2100





A saudade é uma farpa flamejante,





A saudade é uma farpa flamejante,

Que dilacera e parte o coração da gente.

Queria tanto ainda ser aquela menina inocente,

Que prometeu te amar eternamente.

E que  por tanto tempo com você sonhou.

Mas que te perdeu quando te encontrou,

E nunca, nunca mais sonhou...

E meu sorriso ficou lá na curva da rua 

De onde vi você  partir,

Deixando-me para sempre estagnada

Esperando sua volta da calçada,

Mas você nunca voltou,

E o tempo te eternizou em mim.

Você foi feliz com outra pessoa,

A moça que carregava em seu ventrea um filho seu...

E eu morri naquele adeus.

Mas a saudade magoou minha alma,

E nada, nada me acalma,

A não pensar em ti,

E, a minha ilusão foi tão grande,

Que morreu de sede, dentro de mim.

E só restou a lembrança que ainda me diz assim:

“Me mostra o tamanho as sua saudade?”

E, você nem se lembra ao menos disso, enfim.

Mesmo assim, ela te deseja:

Feliz 20012!

Feliz 2013!

Feliz 2014!

Feliz 2015!

Feliz 2016!

Feliz 2017!

Feliz 2018!

Feliz 2019!

Feliz 2020!...

Feliz 2030! ...

Feliz 2040! ... ... ...


segunda-feira, 25 de junho de 2018

Arraia da Carcinha de Nylon





Que tair um Arraiá engraçado para alegrar sua noite, seu dia!

Nesse Arraiá Mariazinha que só queria se divertir um pouquinho acaba por se meter em uma engraçada confusão.

E Você, querido leitor, querido internauta, o que faria no lugar de Mariazinha para escapar desse mico?

Ou será que você ao contrário de Mariazinha, não se deixaria cair nessa pilha e levaria tudo numa boa!

Boas Festas procês com muita alegria, quentão, curau, paçoca, pé-de-moleque etc...

Grande abraço e beijos caramelados.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Real Time Web Analytics