segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

História as Avessas capitulo VIII


Antonio levantou-se e correu até Godóia e Leonel. Ariane que estava saindo da água, também correu para ver o que estava acontecendo. Todos estavam ao redor de Godóia e Leonel. Olhos arregalados, no estranho objeto que estava nas mãos de Leonel. Era um pequeno baú. O senhor Antonio falou:
- Onde você achou Glória?!
- Achei na areia papai. Ó, tava beam aqui ó... – apontou com o dedinho o buraco na areia.
- Abra com cuidado Leonel.
Leonel abriu e de olhos arregalados todos exclamaram:
- Que lindooooooo!!!
Eram um par de alianças. Seu Antonio pegou-as na mão e examinando-as disse:
- Isso deve valer uma pequena fortuna, olhe quantas pedras nessa aqui.
Uma das alianças era encravada de pedras brilhantes, que o senhor Antônio não soube identificar. Porém eram duas alianças de ouro muito bem trabalhadas e uma delas, a que deve ser da esposa, era cravejada de brilhantes.  Seu Antônio, já preocupado, pensava em como iriam achar os donos de tão precioso tesouro. Quando, Leonel interrompeu os pensamentos já confusos do pai dizendo:
- Olha pai, tem um papel aqui.
Era um papel florido e perfumado. Leonel pegando-o percebeu que era uma carta. E disse:
            - Pai é uma carta.
            - Leia isso então, talvez tenha alguma pista dos donos.
            Leonel então leu:

Rio de janeiro, 24   de dezembro de 1908.

Venho através dessa afirmar a quem achar esse baú que:
Será o novo dono desse nosso pequeno tesouro.
Eu, Guilhermina Alves da Fonseca e meu esposo Arquelau de Alcântara Mendes da Fonseca, enterramos na praia do Leblon o maior símbolo de nossas vidas. Aqui mesmo nessa praia, um dia, nos conhecemos de forma inusitada e vivemos uma história linda de amor. Por isso enterramos esse baú aqui, na esperança de que: o mágico amor que existiu entre nós e que nos fez eternos namorados, também possa fazer com que quem o ache seja tão ou mais feliz que nós fomos.
            Por isso, declaramos que essas alianças sejam suas e essa carta seja um docuemnto. Além disso deixaremos registrado no cartório de primeiro oficio da comarca do Rio de Janeiro um documento que comprova a veracidade dessa carta e desse tesouro. Bastando apenas ser apresentada para passar a valer para quais fins você desejar dar a essas alianças....


2 comentários:

  1. Querida amiga, lindíssima postagem. Beijocas

    ResponderExcluir
  2. te mandei email mas ainda não obtive resposta.Bjusss!

    ResponderExcluir

Será um grande prazer saber sua opinião, ler seus comentários. Sinta-se em casa, arraste a cadeira e tome um café com poesia, que tal?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Real Time Web Analytics