quarta-feira, 15 de junho de 2011

Histórias da caminhada...

Todos no ônibus com destino a Burarama, demorou um pouco, mas enfim saímos. Uma pequena viagem de 40 minutos mais ou menos. E fomos à caminho do nosso "Eldorado"!


Na chegada, paramos bem em frente ao colégio onde estudei. Reformado, mas claro que passou um filme em minha cabeça... Nosssa, quanta coisa bacana vivi ali! Quantas vezes o professor Luiz Fassarella nos pegou comendo as cenouras! kkkk depois ele nos fazia pagar. Certo ele, se não fosse assim não era educação, né? Como não seríamos adolescentes também, se não aprontássemos umas...
Naquela época tinhamos como matéria tecnicas agrícolas. Era muito bom mexer com a terra, plantar tomates, cenouras, alface... quantas saudades! 
A professora Ana Gava, que era, expert, em matemática, aprendi a gostar dessa matéria com ela. Também a profesora Maria Friço, que ensinava a disciplina de Estudos sociais, hoje extinta, ou transformada em Geografia. Me lembro com saudades do diretor Iti, do Marcelo Grillo (inspetor e pai da Mariângela Veja AQUI Ó...   Os profesores: Penha Grillo Perim, Arnaldo Gava, Jessé P. de Souza, Marlene Francischetto, Inês francischetto (saudosa professora de educação física), Elmo (tem uma história muito engraçada sobre esse professor contarei em breve). Além de muitos outros eses foram os que mais marcaram minha passagem pelo colégio: "Wilsom Resende" (antigo ginásio).


Exercícios com orientação do professor de educação física...

Pose para a foto!


Saímos em direção a Campos Elísios, passando pela rodovia perincipal . Aí estavamos bem próximos da Pedra da Ema, olha ela ao fundo! O cheirinho característico da "roça", ja entrava por nossas narinas, por nosos poros... cheirinho delicioso de verde, de liberdade!

Olha que lindo o pé de colorau! (risos). 
Foi isso mesmo que à menina da cidade disse. Mas na verdade esse é o pé de urucum, do qual realmente se origina o colorau...

Você já viu um pé de café? Olha um aí, e está carregadinho. Você não sabe que gostoso é o cheirinho de um cafezal em flor, de um cafezal carregadinho de frutos, hummmm! Só quem já viveu esses momentos sabe o quanto são mágicos.

Lucas perto da roseira? No inicio, pensei ser mesmo uma roseira.

Mas, olhando de perto... até é uma roseira, mas sem rosas (as tradicionais) kkkk

Teve até ambulancia da Unimed. Cheguei a pensar que teria de voltar nela (risos), mas aguentei firme. Foi uma caminhada longa de 11 km, porém  foi bem tranquila. Gostei muito, pois quando morava em Burarama, no período de 1975 até mais ou menos 1985, andava por ali tudo com meu pai. Era sempre divertido ir com ele levar as mercadorias para algum colono ou sitiante... Eita tempo bom! Coisas que ficam fixadas na mente para sempre, coisas que valeram muito à pena ter vivido, pesoas que valeram ter conhecido... saudades que me fazem bem...  Coisas deliciosas!!!
Mas, ainda não acabou, porém deixarei as outras fotos para outro post, ok? Beijinhos caramelados e boa tarde.




3 comentários:

  1. Olá, querida Lya
    Post gostoso de se ler... muito bom recordar coisas boas que vivenciamos ao longo de nossas vidas...
    Bjs de paz

    ResponderExcluir
  2. lindo como ja diziam os bons pensadores eu assino também : recordar é viver..........bjs linda

    ResponderExcluir
  3. recorddar é viver.....adorei sua postagem bjs

    ResponderExcluir

Será um grande prazer saber sua opinião, ler seus comentários. Sinta-se em casa, arraste a cadeira e tome um café com poesia, que tal?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Real Time Web Analytics